Ônibus que saiu de Assis com destino ao Paraguai se envolve em grave acidente


Voltar para Blog

Ônibus que saiu de Assis com destino ao Paraguai se envolve em grave acidente

Um gravíssimo acidente na madrugada deste sábado (6), na rodovia BR-158, no Anel Viário de Campo Mourão, deixou uma pessoa morta e várias feridas.

O acidente envolveu um ônibus com compristas do Paraguai que seguia sentido Cascavel e uma caminhonete Chevrolet Silverado, que trafegava no sentido a Maringá.

A batida ocorreu após o motorista da Silverado tentar uma ultrapassagem, atingindo em cheio o ônibus, que seguia no sentido contrário. Após o impacto, o condutor do coletivo perdeu o controle da direção, saiu da pista e tombou em seguida. Os ocupantes ficaram presos no interior do veículo. Já o condutor da caminhonete, morreu na hora.

A Silverado ficou destruída e o motorista presos às ferragens. Pedaços do veículo ficaram espalhados a vários metros do ponto de impacto sobre a pista de rolamento. A via ficou interditada nos dois sentidos.

Equipes do Samu e Corpo de Bombeiros de Campo Mourão se mobilizaram para socorrer as vítimas que estavam no ônibus. Os bombeiros tiveram bastante dificuldade para acessar o interior do coletivo e chegar até as vítimas. Tiveram de cortar a lataria do veículo com alicates hidráulicos. Foram horas de trabalho.

Alguns passageiros ficaram sentados à beira da via, enrolados em cobertores, acompanhando o resgate das outras vítimas. Todos os feridos, foram socorridos pelas equipes e encaminhadas a hospitais de Campo Mourão para atendimento médico. A quantidade exata de feridos não foi divulgada pelas autoridades.

De acordo com informações, o Ônibus saiu de Assis, interior de São Paulo, e tinha como destino a cidade de Foz do Iguaçu, de onde os compristas seguiriam ao Paraguai. O corpo da vítima fatal foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Campo Mourão para exame de necropsia.

A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) também esteve no local e auxiliou na ocorrência, sinalizando a via e controlando o tráfego de veículos para evitar novos acidentes.

Fonte: Tribuna do Interior

Compartilhe esta postagem

Voltar para Blog