Idoso é ferido na face, cabeça e pescoço durante ataque de cão da raça rottweiler


Voltar para Blog

Idoso é ferido na face, cabeça e pescoço durante ataque de cão da raça rottweiler

Vítima, de 71 anos, é tutora do animal; cachorro foi contido com disparo de taser pela Polícia Militar. Ocorrência foi registrada em Pacaembu (SP)

A Polícia Militar registrou uma ocorrência de ataque de animal, neste domingo (29), em Pacaembu (SP). Um cão da raça rottweiler, por motivos a serem esclarecidos, atacou o próprio dono, um idoso de 71 anos. Segundo a corporação, a vítima sofreu ferimentos considerados de natureza grave.

De acordo com a polícia, o ataque aconteceu no quintal da residência do idoso, no Centro. A esposa da vítima viu a situação, se trancou dentro de casa e ligou para o telefone 190 da Polícia Militar.

Equipes da Polícia Militar seguiram rapidamente ao local. Ao chegarem, local fizeram contato com uma vizinha e viram o animal em cima do dono, o atacando.

“Através da grade do portão, um dos policiais fez um disparo com a arma de incapacitação neuro muscular [taser], cessando o ataque, pois o animal permaneceu por alguns minutos imobilizado”, explicou a PM. No momento, os policiais pularam o muro e entraram na casa.

Contudo, o cachorro se levantou e novamente foi preciso o uso do taser para contê-lo.

Com a chegada da equipe do Corpo de Bombeiros, o cão de grande porte foi preso em um corredor com portão e cadeado.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima foi socorrida ao Pronto-socorro de Pacaembu em estado considerado grave, pois havia sido atacado com mordidas na face, cabeça e pescoço.

Foi confeccionada ocorrência de animal agressivo.

Fonte: G1

Compartilhar esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog

APOIADO POR: