Ator Luiz Carlos Araújo, de ‘Carinha de Anjo’ e musicais, é encontrado morto em SP

Ator Luiz Carlos Araújo, de ‘Carinha de Anjo’ e musicais, é encontrado morto em SP

Camilla Camargo, grande amiga do ator, e outras personalidades lamentaram morte em rede social

Luiz Carlos Araújo, famoso por atuar em musicais e na novela Carinha de Anjo, do SBT, foi encontrado morto, em São Paulo, no sábado (11). A polícia civil de São Paulo investiga a morte. Familiares e Marilice Cosenza, amiga do ator, prestaram depoimentos após a confirmação da morte.

“A polícia está terminando a investigação. Saí a pouco da delegacia onde estive à noite toda com a família dando depoimentos. Luiz era meu melhor amigo. Eu e outra amiga tentamos falar com ele há alguns dias. Depois de passar o dia todo de ontem sem conseguir, pois o celular estava desligado, conversei com amigas que foram ao apartamento dele. Com a polícia e um chaveiro, acharam ele falecido na cama”, contou Marilice, explicado que a última vez que falou com o ator, de 39 anos de idade, foi no dia 5 de setembro. “Tudo triste é inacreditável”, completa.

Além da experiência na TV, Luiz Carlos tinha uma longa experiência no teatro musical. Ele participou de espetáculos como Tieta do Agreste, Lisbela e o Prisioneiro – Um Musical Circense, Dois Filhos de Francisco – O Musical e Lilás.

Nas redes sociais, ele se identificava como um “artista multidisciplinar”. Além de atuar, ele também realizava trabalhos como locutor. Ele foi homenageado por amigos, como a atriz Camilla Camargo, com quem trabalhou na trama infantil Carinha de Anjo.

Amigos e famosos lamentam a morte de Luiz Carlos Araújo:

Camilla Camargo, atriz: “Não consigo acreditar, não dá, não quero acreditar. Te conheci com meus 9 anos e de la pra cá foram palcos divididos, histórias, abraços, carinho, que estão eternizados. Você já foi meu amigo, vilão, gato, avô e no nosso último trabalho você foi meu irmão. Nós dois librianos, adorávamos compartilhar isso também e já comemoramos juntos essa alegria. Te amo pra sempre, esses abraços estarão comigo pra sempre, sinto que você não conhecerá meus pequenos como estávamos combinando, essa pandemia tirou isso da gente, mas Deus nos deu muitos outros momentos pra ficarem eternamente no meu coração. Está doendo Lu, está doendo muito. O céu terá um dos artistas mais talentosos pra abrilhantar aí em cima e a gente fica aqui na saudade. Até breve”.

Kiara Sasso, atriz: “Como acreditar? Uma pessoa extremamente doce, amável, talentosa e um exemplo de saúde, simplesmente nos deixar? Luiz querido, não tivemos a oportunidade de trabalhar juntos, mas isso não me impediu de ser impactada pela sua linda energia! Que a sua passagem seja tão cheia de luz. Você fará falta”.

Maria Clara Rosis, atriz e dubladora: “Hoje o dia começou em silêncio no mundo das artes, um silêncio ensurdecedor e ainda não me caiu a ficha da sua partida, assim tão repentina. Nem sei quantas vezes te vi brilhar nos palcos, só no Lisbela devem ter sido umas 10 vezes, e em todas sempre me impressionou a sua entrega em cena, o seu talento, a sua generosidade cênica, fazendo seus amigos de elenco brilharem juntos, mas, o que sempre me fez ter tanto carinho por você é que tudo que eu via em cena era você emprestando ao personagem as suas qualidades, me lembro de todas as vezes, na saída do teatro você me dando atenção, sendo generoso, gentil, carinhoso e sonhava em um dia poder estar em cena, dividir um palco junto a ti. Siga em paz meu eterno Leléu, ficam as lembranças agora e a saudade. As cortinas do novo plano em que se encontra se abriram para você, vai lá e arrasa como sempre. Gratidão eterna por ter lhe conhecido”.

Virgínia Favrin, produtora de elenco: “Eu não consigo acreditar. Meu amigo amado, meu padrinho de casamento, meu xuxu. A estrela mais brilhante e afinada desse céu. Eu estou sem chão”.

Tony Germano, ator: “Meu amigo, estou sem chão. Amigo de tantos anos e tantas risadas. Tantas discussões acaloradas. A última vez que nos vimos, você estava preocupado por eu andar sozinho no meio da confusão do Carnaval à noite. Vou sentir muito a sua falta, mesmo nos vendo tão pouco, mas eu tinha certeza que de vez em qdo nos esbarrariamos e continuariamos sendo sempre os amigos. Vá em paz”.

Ubiracy Brasil, ator: “Lu foi um tor incrível! Ser humano solidário, amigo querido, profissional dedicado! Quantas Risadas demos juntos nos bastidores do musical de Dois Filhos de Francisco”.

Fonte: Quem

Compartilhe esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *