Testagem de alunos das redes Municipal e Estadual de Anastácio prepara unidades escolares para retorno seguro às aulas


Voltar para Blog

Testagem de alunos das redes Municipal e Estadual de Anastácio prepara unidades escolares para retorno seguro às aulas

A Prefeitura de Santo Anastácio, por meio da Secretaria de Educação em parceria com a Secretaria da Saúde, deu início na tarde de hoje (26), o levantamento sorológico com alunos das escolas das redes Municipal e Estadual.

Desde às 13h00 desta segunda-feira, a ação acontece na unidade do Enrico Bertoni, onde 222 crianças e adolescentes foram convidados a comparecer para a realização do teste que trás o resultado em 20 minutos.

Amanhã será a vez da escola Osvaldo Ranazzi, na quarta-feira, Alice Maciel Sanches, na quinta-feira, no Tertuliano e Alberico e na sexta-feira no EMEI.

A iniciativa de testagem antes da retomada das aulas, prevista para o início de agosto, presencial e de forma gradual e facultativa, integra um conjunto de ações dedicadas ao controle da pandemia, caso sejam encontrados casos de contaminação pela Covid-19.

“Essa amostragem permite a compreensão de como o vírus está se comportando em meio à comunidade escolar. Essas informações vão compor o banco de dados da Secretaria da Saúde para que a autoridade sanitária do município possa tomar providências o mais rápido possível”, enfatiza Leila.

O teste sorológico feito em crianças com idades entre seis e 11 anos é capaz de identificar a infecção pela Covid-19 por meio de punção digital. “Dessa forma, a presença de anticorpos específicos no corpo, conhecidos como IGM e IGG, é capaz de dizer se a criança teve contato com a doença”, explica a enfermeira Francielle Sevilha da Cunha, responsável pelo Centro de Covid de Santo Anastácio.

Para a Diretora da Escola Enrico Bertoni, Maria Cristina, a testagem é de grande importância nesse período que antecede a retomada das aulas nas escolas da rede municipal. “A dimensão de quantas crianças foram infectadas ou tiveram contato com o vírus proporciona uma volta mais segura, tanto para os próprios alunos quanto para os profissionais que atuam nas escolas da Prefeitura”.

Foto Alessandra Benelli
Foto Alessandra Benelli
Foto Alessandra Benelli
Foto Alessandra Benelli

Compartilhar esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog

APOIADO POR: