Ranchariense é campeão no Sul-Americano de Jiu-Jitsu


Voltar para Blog

Ranchariense é campeão no Sul-Americano de Jiu-Jitsu

As competições de jiu-jitsu retornaram há um mês e o sensei Heber Torres, 34 anos, já carimbou a faceta de dois pódios no Campeonato Sul-Americano de Jiu-Jitsu, em Taubaté, no final de semana. Ele conquistou o primeiro lugar derrotando o atual campeão brasileiro, Arthur Francisco Renta, de Joinville (SC), na categoria Marrom Pesadíssimo e 3º lugar na categoria Marrom Absoluto.

“Quando as competições retornaram há um mês com o Campeonato Brasileiro eu ainda não pude competir pelo fato de em junho ter sido diagnosticado com Covid-19, assim como minha mãe Madalena, 66 anos, e minha esposa Jaqueline. Nos recuperamos bem, graças a Deus, mas minha mãe ficou com várias sequelas, tadinha. Sente muitas dores no corpo, nas juntas”, expõe o lutador.

“TODO CUIDADO É POUCO. ESTAR NOVAMENTE EM UM CAMPEONATO JÁ ERA UMA VITÓRIA PARA MIM, OSS”

Heber Torres

Agora, Heber – que é atleta da equipe Navarro Jiu-Jitsu de Rancharia – foca no preparo para o Mundial que ocorre no mês que vem em São Paulo.

O sensei conta que por conta da pandemia, as aulas foram reduzidas ao número máximo de 12 atletas por aulas, seguindo os protocolos sanitários. “Todo cuidado é pouco. Estar novamente em um campeonato já era uma vitória para mim, OSS”, destaca o sensei.

SAIBA MAIS

OSS é uma demonstração de respeito e é um termo levado muito a sério dentro do jiu-jitsu. Por isso, sempre que for se expressar usando esse termo, fale com vontade, em alto e bom tom, demonstrando respeito ao significado do termo, mas também à pessoa para quem você está falando.

Fonte: meukimono.com.br

Compartilhar esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog

APOIADO POR: