Justiça decreta prisão preventiva de homem suspeito de roubar e estuprar idosa, em Pirapozinho


Voltar para Blog

Justiça decreta prisão preventiva de homem suspeito de roubar e estuprar idosa, em Pirapozinho

Indiciado, de 47 anos, foi transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Caiuá (SP).

A Justiça converteu, nesta terça-feira (14), em prisão preventiva a prisão em flagrante do homem, de 47 anos, suspeito de roubar e estuprar uma mulher, de 63 anos, em Pirapozinho (SP). Com a decisão judicial, o indiciado foi transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Caiuá (SP).

O crime ocorreu na noite desta segunda-feira (13), quando a vítima foi abordada pelo suspeito no bairro Santa Rosa.

Segundo informações da Polícia Militar, a viatura foi abordada por um motorista, que disse ter visto um homem, armado com uma faca, tentar assaltar um rapaz. Os militares tinham a informação de que um ex-detento, solto há exatos dois meses, “estava com atitudes suspeitas na cidade”, e, ao mostrarem a foto dele para o motorista, que o reconheceu como sendo o suspeito do crime.

A equipe, então, se dirigiu até o local da tentativa de roubo, mas não encontrou a possível vítima. Em seguida, foi até a casa do investigado, mas ele não estava lá. Na ocasião, a vizinha dele disse que estava na calçada com uma amiga quando o rapaz chegou e intimidou as mulheres. Na tentativa de se distanciar das investidas, uma delas abriu o portão de casa, momento em que o rapaz tentou agarrá-la.

As amigas entraram dentro de um carro, que estava estacionado em frente ao imóvel, fecharam o vidro e saíram em disparada. Em imagens de câmera de segurança, é possível ver o rapaz tentando quebrar o vidro do veículo, para, novamente, tentar agarrar a mulher, conforme a polícia.

De acordo com os militares, em 2010, o suspeito estuprou uma mulher, e, quando saiu da prisão, na semana passada, “já estava rondando a casa dela novamente”. Já em 2020, ele foi preso após um roubo com uso de faca.

Estupro

Em patrulhamento pelo bairro Santa Rosa, onde as mulheres foram abordadas, a equipe foi acionada para o atendimento de uma ocorrência de roubo a casa.

A vítima foi uma mulher, de 63 anos. Ela disse à PM que um rapaz, descrito como o suspeito, entrou pelos fundos da casa e, com uma faca, anunciou o roubo. Depois disso, estuprou a idosa, levando R$ 30 da carteira dela.

Conforme a polícia, a roupa da vítima estava com manchas de sangue. O muro pelo qual o investigado pulou para sair da casa também continha sangue.

A idosa foi encaminhada ao Hospital Regional (HR), em Presidente Prudente (SP), para tomar medicação.

A reportagem, o delegado Rafael Galvão, responsável pelas investigações, disse que requisitou ao Instituto Médico Legal (IML) exame de corpo de delito para a vítima.

Flagrante

O suspeito foi localizado pelos policiais em um ponto de comercialização de drogas. Ele estava com uma faca na cintura. Aos militares, o rapaz negou as acusações, mas acabou preso em flagrante.

A faca que ele portava foi apreendida e será periciada.

“Os próximos passos da investigação consistem em conversar com outros moradores que, supostamente, ele teria tentado fazer o roubo, nas imediações de um posto de combustíveis, conseguir mais imagens, e estamos aguardando, inclusive, o laudo médico legal em relação à idosa que foi estuprada”, relatou o delegado a reportagem.

Fonte: G1

Compartilhar esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog

APOIADO POR: