Grávida é esfaqueada pelo marido em Três Lagoas e bebê morre


Voltar para Blog

Grávida é esfaqueada pelo marido em Três Lagoas e bebê morre

Uma mulher de 41 anos grávida de seis meses foi esfaqueada pelo marido Jorge de Souza Valdez de 44 anos. Caso aconteceu na madrugada de terça-feira (10), em Três Lagoas. Acusado ainda socorreu a vítima até o Hospital Auxiliadora. Ela teve uma parada cardíaca e está internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) em estado grave. 

A grávida estava dormindo quando foi esfaqueada no pescoço e também nas mãos, pelo autor. Conforme o site JPNews, após esfaquear a mulher se feriu tentando simular uma tentativa de suicídio. Após ver que a vítima ainda estava viva, o acusado a colocou no carro levando-a para o hospital acreditando que ela morreria no trajeto. Ao chegar na unidade, ele se deparou com viaturas da polícia militar, confessou o crime e foi preso em flagrante. 

Vítima está em estado grave. Foto Alfredo Neto

 A mulher sofreu uma parada cardíaca,sendo reanimada, assim como o bebê também sofreu uma parada. Os médicos realizaram uma cesária.Em nota emitida pelo hospital foi informado que o bebê morreu nesta terça-feira (10), às 6h30 e a mãe segue entubada.Caso foi registrado como  tentativa de feminicidio e tentativa de infanticídio

 Confira a nota na íntegra:

 Três Lagoas, 10 de novembro de 2020.

R.C.S, 41 anos deu entrada no dia 10 de novembro às 03h24, vítima de ferimento por arma branca no pescoço, paciente gestante, chegou instável hemodinamicamente, ela foi atendida, medicada, realizou exames, foi feito uma cesárea de emergência devido a gravidade dos ferimentos e uma bradicardia e risco fetal. A cirurgia ocorreu sem intercorrências. O RN nasceu com vida, porém não resistiu e foi a óbito às 06h30 desta terça-feira. A mãe recebeu os atendimentos e está entubada. Estado de saúde é considerado grave. 

Hospital Auxiliadora de Três Lagoas

Compartilhe esta postagem

Voltar para Blog