Duca Bonilha, o prefeito eleito para 2021 em Santo Anastácio

Duca Bonilha, o prefeito eleito para 2021 em Santo Anastácio

Publicidade

Anuncie Conosco

José Bonilha Sanches, este é o verdadeiro nome de “Duca”, segundo ele próprio, apelido carinhoso desde a infância.

O No Fato foi recebido pelo prefeito eleito com 36,26% dos votos válidos de Santo Anastácio para falar um pouquinho de sua meta gestacional a partir de 1º de janeiro de 2021 no cargo de chefe do executivo.

No Fato:  Quem é Duca Bonilha?

Duca:  Um homem de 81 anos com muita disposição para fazer acontecer. Nascido e criado em Santo Anastácio, sou casado com Arari Pires Marinelli Bonilha, pai orgulhoso de 3 filhos maravilhosos ( Marise, Odacir e Marcos), avô de 9 netos e bisavô de dois, uma menininha e um bebê que está a caminho.

Profissionalmente, aposentado como Gerente Adjunto Regional do antigo Banco Banespa.

No Fato:  Qual sua experiência em administração e política?

Duca: Administração é uma palavra que faz parte do meu dia a dia e que não me assusta nem um pouco em coloca-la em prática. Durante toda a minha vida eu administrei pessoas, funções e situações. Tive que me ausentar da cidade junto a minha família por 25 anos para alçar melhores cargos junto ao Banco que trabalhei e me aposentei, nesta época moramos em algumas cidades e por onde passei deixei minha marca registrada como um bom administrador e gestor de pessoas.

Política? Não sou e nunca fui político apesar de gostar muito do assunto, mas diante de toda minha trajetória pessoal e profissional, me candidatei na certeza de poder contribuir para a melhoria Santo Anastácio.

No Fato: O que o senhor fará de diferente para melhorar a cidade?

Duca: Na verdade existem muitas ideias e projetos a serem postos em prática, mas para tal, preciso primeiro me interar da situação atual em que a prefeitura se encontra, e isso só será possível quando assumir o posto.

Mas de início, posso declarar que todo o meu salário de prefeito será revertido integralmente, descontado somente o recolhimento do Imposto de Renda para as entidades assistenciais do município. Estamos calculando minuciosamente, mas cada entidade deverá receber ao mês cerca de R$2.000,00, o que ao ano será beneficiada com R$24.000,00. Farei essa doação de bom grado, pois felizmente o meu salário de aposentado me dá uma boa condição de vida.

Não farei e nem faço campanha para promover minhas boas ações, essa é uma decisão pessoal desde que me propus a disputar o cargo eleitoral majoritário.

Olhando ainda do lado de fora, existem muitas possibilidade a serem trabalhadas para otimizar a vivência em Santo Anastácio, vamos dar uma atenção especial as empresas e indústrias já instaladas no município que necessitem de documentação e aval da prefeitura para expandir ainda mais suas produções, aumentando dessa forma o número de contratação de funcionários.

Vamos buscar juntos, meios de trazer novas indústrias para a cidade, facilitar o trâmite das negociações. Outro ponto que já é prioridade em minha futura gestão é montar uma associação junto à prefeitura e comprar um terreno (já está em vista e sendo negociado) para a execução de um estacionamento próprio para caminhões. Assim que assumir já irei atrás da parte burocrática desta negociação.

Outro objetivo que vou desenvolver de forma rápida é o desengavetamento de um projeto do vereador reeleito Jair da Pirâmide, onde é pedido uma pista de caminhada adequada. Já conversei com amigos da CART (Concessionária Auto Raposo Tavares) e falei sobre a possibilidade de uma pista trevo a trevo, local onde pessoas se arriscam todos os dias para poder realizar atividade física, em contra partida, me garantiram que não é algo impossível e que sim, dá para ser realizado. Estenderei a melhoria para a pista na avenida próxima a escola Sesi, tanto no asfalto como na colocação de redutores de velocidade e lombo faixas para que as pessoas que ali caminham e as crianças que circulam de bicicletas, possam se sentir seguras.

Bem, na verdade existem outros projetos considerados prioritários, mas vamos esperar acontecer, preciso realmente ver o que me espera, mas de uma coisa eu tenho certeza, darei o melhor de mim para cumprir cada promessa que estou me comprometendo junto a população de Santo Anastácio.

No Fato: Como o senhor pretende trabalhar junto aos vereadores eleitos?

Duca: Se assim me permitirem, da melhor forma possível até porque sem eles o prefeito tem as mãos atadas. Não vou ficar sentado esperando que o vereador venha até mim, uma ou duas vezes ao mês, quero ir até a câmara conversar sobre os projetos e me interar dos acontecimentos. Quando tiver que por motivos maiores negar algum projeto, não irei simplesmente engavetá-lo, o vereador que o reivindicou e a população merece uma satisfação do porque aquele pedido não poderá ser atendido no momento.

O cargo de assessor parlamentar também será um passo muito bem pensado, quero colocar a frente desta responsabilidade alguém engajado, preparado e que tenha uma boa relação em Brasília, para angariar e não perder prazo de nenhuma emenda destinada ao município, este será um imprescindível intermediário entre prefeitura, câmara e Brasília. Na verdade temos uma pessoa em mente, estamos aguardando a hora certa para conversarmos e batermos o martelo.

No fato: Como será feita a contratação dos cargos de confiança?

Duca: Dá forma mais transparente possível, não tenho compromisso com ninguém, nem mesmo com o partido, fizemos a campanha inteira em basicamente 4 pessoas, eu o vice Adauto e dois amigos que vestiram a camisa e nos ajudaram durante todo o processo, mapeamos a cidade e junto a eles percorri todas as ruas de Santo Anastácio e bati na porta de cada cidadão pedindo o seu voto de confiança. Então o meu único compromisso firmado é realmente com essas pessoas, do mais, estarei analisando a capacidade e interesse de trabalho, não irei empregar por amizade e consideração se não estiver apto para assumir tão compromisso, não me elegi para ser escoro de ninguém.

Vou acompanhar de perto o trabalho de todo o secretariado pode ter certeza que não ficarei sentado no ar condicionado o dia todo esperando acontecer, farei com que aconteça.

No Fato: O senhor pretende ser um prefeito acessível à população?

Duca: Pressuponho que muitos tenham essa dúvida, então esclareço desde já que sim, serei e sou totalmente acessível, talvez por até então não ser uma figura pública, as pessoas tenham um certo receio, mas o tempo dirá o quanto terei enorme prazer em receber e ser útil se assim for possível, afinal este é o principal papel de um gestor municipal.

No Fato: O senhor gostaria de deixar algum recado à população neste dia tão especial que é o aniversário de Santo Anastácio?

Duca: Bom, em primeiro lugar o meu muito obrigado a cada um de vocês que depositaram em mim o seu voto de confiança, podem ter certeza que não tenho a menor intenção de decepcioná-los, pelo contrário quero fazer ainda mais do que me propus, quero trazer de volta esperança e desenvolvimento para a nossa amada cidade. Sei que não será fácil, estamos em meio a uma pandemia que devastou vidas, empregos, e entre tantas outras coisas a economia de um País inteiro, mas juntos eu e vocês, vamos entrar nessa juntos para vencermos!

Alessandra Benelli

Compartilhe esta postagem

Comentários

  • Patrícia Resposta

    Boa reportagem, vamos aguardar então 2021, que o sr Duca faça um ótimo mandato, que ele consiga transmitir aos eleitores segurança e confiança…

    novembro 19, 2020 em 12:56 pm
  • Vanderley Arlindo Resposta

    Excelente matéria, esclareceu de forma precisa e objetiva, quem é o novo Prefeito da cidade.

    novembro 19, 2020 em 7:35 pm
  • José Carlos Ramires Resposta

    Meu carro Duca, parabéns pelo seu sucesso nas eleições. Coloco-me à sua disposição para o que for possível em ajudar. Você sabe que temos uma ligação de famílias por conta da minha tia Imaculada Marinelli e sua esposa também Marinelli… Sucesso, o que desejo…

    novembro 20, 2020 em 12:09 am

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Ajuda? Converse conosco