De louco a herói: Indiano escava canal por quase 30 anos e leva água a vila que sofria com a seca


Back to Blog

De louco a herói: Indiano escava canal por quase 30 anos e leva água a vila que sofria com a seca

Loungi Bhuiya foi chamado, muitas vezes de louco. Morador da aldeia de Gehlaur, no leste do estado de Bihar, na Índia, ele estava determinado a encontrar água para o seu povo.

Ele tinha apenas uma pequena machadinha e foi com isso mesmo que se aventurou pela região. Loungi sabia que não seria uma tarefa fácil, mas não imaginou que ela duraria quase 30 anos.

Ele se inspirou no Homem da Montanha

Em 1960, Dashrath Manjh, ficou conhecido na Índia como o “Homem da Montanha”. Ele escavou um canal de irrigação por 22 anos, usando apenas um cinzel e um martelo.

Loungi usou a inspiração e motivação de Dashrath e decidiu que faria o mesmo. “Eu tinha ouvido falar dele e pensei que se ele pode fazer isso, por que eu não posso?”, comentou.

Esse homem, que hoje está com quase 70 anos, disse que muita gente o chamou de louco, mas ele não desistiu da sua meta, que era cavar um canal que levasse água de uma fonte natural da Floresta de Bagetha Sahwasi até a vila.

O líder da vila, Vishnupat Bhokta, reconhece o trabalho e dedicação de Loungi. “Os moradores da vila geralmente levavam o gado para aquela fonte para dar água, que também fornecia sustento aos animais que viviam na área da floresta. Loungi sabia que a fonte de água era suficiente para irrigar as terras agrícolas dos moradores. No entanto, foi um grande desafio levar água para a aldeia”, completou.

Herói local

Ele não se deixou abalar e permaneceu no seu objetivo. Foram quase 30 anos escavando todos os dias, para transformar o canal de um metro de largura por um metro de profundidade em realidade.

Hoje Loungi é considerado um herói na vila onde mora. Por causa do seu esforço, todos estão se beneficiando da água que chega em toda a aldeia.

Agora, Loungi foi recompensado com um trator novo, que será usado para expandir o canal.

É determinação que chama, né?

Foto: reprodução YouTube
Foto: Reprodução Youtube
Foto: reprodução YouTube

FONTE: Good News Network

Share this post

Back to Blog