Com balas de borracha, PM dispersa briga entre torcidas e leva 13 para delegacia


Voltar para Blog

Com balas de borracha, PM dispersa briga entre torcidas e leva 13 para delegacia

Durante partida entre Grêmio Prudente e MAC, visitantes se enfrentaram e foram contidos pela Força Tática, também com bastões e spray de pimenta

Treze pessoas, sendo onze homens, uma mulher e um adolescente, foram conduzidas ao plantão da Delegacia Seccional de Presidente Prudente, na noite desta quarta-feira, depois de provocarem uma briga generalizada no Estádio Prudentão, durante a partida entre o Grêmio Prudente e o MAC (Marília Atlético Clube). Segundo Boletim de Ocorrência, todos os envolvidos são integrantes de duas torcidas do time visitante, que brigaram entre si. Para conter os indivíduos, a Companhia de Força Tática da Polícia Militar fez uso de bastões tonfa e espargidores, conhecidos como spray de pimenta. Disparos de bala de borracha ainda foram feitos contra um torcedor, 32 anos, que corria em direção à torcida, na arquibancada, com um objeto em mãos. Depois de ouvidos pela Polícia Civil, todos assinaram termos de compromisso e foram liberados. Os envolvidos cometeram o crime de promover tumulto, o qual é previsto no Estatuto de Defesa do Torcedor.
De acordo com o BO, dos cinco disparos de bala de borracha feitos contra o torcedor de 32 anos, dois o acertaram, no braço direito e na perna esquerda. Ele foi levado para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Guanabara, onde recebeu os primeiros socorros e foi liberado para ser conduzido ao plantão policial com os demais envolvidos. 
Conforme o relato, policiais militares que estavam dentro do estádio acionaram a Força Tática depois de constatarem a briga entre as duas torcidas. “Ao receber a abordagem, tentaram evadir-se, furando o cordão de isolamento dos policiais e empurrando os policiais. Diante da briga generalizada, foi necessário o uso de bastão tonfa e espargidor para reduzir a capacidade combativa dos agressores, e ainda necessário o uso de elastômero”, expõe o documento.
A reportagem solicitou posicionamento do MAC sobre a briga envolvendo suas torcidas, no entanto, até a publicação desta matéria, o time não se manifestou.

Fonte: O Imparcial

Compartilhar esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog

APOIADO POR: