CAMPANHA CONTRA A DENGUE TEM INÍCIO EM SANTO ANASTÁCIO APÓS CALENDÁRIO DE ALERTA DIVULGADO PELA SUCEN


Voltar para Blog

CAMPANHA CONTRA A DENGUE TEM INÍCIO EM SANTO ANASTÁCIO APÓS CALENDÁRIO DE ALERTA DIVULGADO PELA SUCEN

Anualmente, quatro vezes ao ano, mais especificamente na primeira quinzena dos meses de janeiro, abril, julho e outubro, a Superintendência de Controle de Endemias (SUCEN), realiza o levantamento da Avaliação de Densidade Larvária (ADL) em cada município de sua abrangência.

O objetivo do trabalho é checar os níveis de infestação de larvas do mosquito Aedes Aegypti em diferentes regiões da cidade.

O levantamento, que é feito pelas equipes do Centro de Controle de Endemias, também possibilita saber onde há maior predominância e o tipo de criadouro (recipiente que possa acumular água), mais comum em cada região.

Segundo informações da supervisora de equipe de endemias, Lucimara Rodrigues Gea, das 469 residências visitadas escolhidas aleatoriamente pela SUCEN através de sorteio, em 22 foram encontrados focos positivos de larvas proliferadoras do mosquito Aedes Aegypti, causador de Dengue, Chicungunha e Zika vírus.

“Isso significa, risco de surto  ao município, pois o Índice Predial (IP) está muito alto, estimado em 4.69, o satisfatório seria de 1”, explica.

Ainda segundo a supervisora, nesta segunda-feira (25), o município registrou o primeiro caso positivo de dengue neste ano de 2021.

“Não podemos deixar o pior acontecer, infelizmente  assim como em 2020, além da dengue, estamos tendo que lidar com a Covid-19, e ambas apresentam sintomas bem semelhantes nos primeiros dias de contágio. Então além dos mutirões de limpeza e aplicação do fumacê realizados pelos agentes de endemia, pedimos o auxílio de toda a população para a fiscalização, limpeza e higienização de seus quintais e terrenos. Por janeiro ser um mês muito chuvoso, as dificuldades aumentam deliberadamente, então vamos juntos evitar que Santo Anastácio entre em surto de contaminação”, pede.

Pela manhã desta quarta-feira (27), às imediações do Banco Itaú no centro da cidade (9 quadras) ao redor, foram nebulizadas pelo caso positivo pertencer aquela região.

No ano de 2020, de acordo com dados fornecidos pela supervisora é que em 2020 foram confirmados no município, 421 casos de 690 notificados.

ATENÇÃO:

O mosquito que transmite a dengue se prolifera em locais com água parada, por isso eliminar os focos de água é um cuidado essencial para evitar que o mosquito se reproduza:

Manter os pratos de vasos de flores e plantas com areia;
Guardar garrafas com a boca virada para baixo;
Limpar sempre as calhas dos canos;
Não jogar lixo em terrenos baldios;
Colocar o lixo sempre em sacos fechados;
Manter baldes, caixas d´água e piscinas sempre tampados;
Deixar pneus ao abrigo da chuva e da água;
Eliminar copinhos plásticos, tampas de refrigerantes, cascas de coco em sacos que possam ser lacrados;
Furar latas de alumínio antes de ser descartadas para não acumular água;
Lavar bebedouros de aves e animais pelo menos uma vez por semana;

Fonte Alessandra Benelli

Compartilhar esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog

APOIADO POR: