Após denúncias, Polícia Militar encerra festa clandestina com cerca de 50 pessoas em chácara em Presidente Prudente


Voltar para Blog

Após denúncias, Polícia Militar encerra festa clandestina com cerca de 50 pessoas em chácara em Presidente Prudente

Uma festa clandestina foi encerrada na manhã deste domingo (18) após a Polícia Militar comparecer a uma chácara entre os distritos de Montalvão e de Floresta do Sul, em Presidente Prudente. Havia aglomeração de pessoas no local, situação que vai contra as medidas de prevenção à transmissão da Covid-19.

Conforme a PM relatou ao G1, a festa começou neste sábado (17) e se manteve ao longo da madrugada e manhã deste domingo.

Após várias solicitações via Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), a corporação foi ao local, na Rodovia Raimundo Maiolini, e constatou a presença de cerca de 50 pessoas, além de quantidade excessiva de bebidas alcoólicas e resquícios de drogas ilícitas.

Os militares ainda verificaram que houve um local montado para possível venda de bebidas alcoólicas. A constatação ocorreu devido à forma de acondicionamento dos produtos.

PM constatou aglomeração de pessoas, quantidade excessiva de bebidas alcoólicas e resquícios de drogas ilícitas — Foto: Polícia Militar
PM constatou aglomeração de pessoas, quantidade excessiva de bebidas alcoólicas e resquícios de drogas ilícitas — Foto: Polícia Militar

A locatária da chácara foi contatada pela Polícia Militar e confirmou ter locado o imóvel a um indivíduo. Em sua versão, a mulher declarou aos policiais que esse homem alegou precisar alugar o local, pois receberia quatro amigos de fora da cidade e não tinha espaço para recebê-los em casa.

Segundo a PM ao G1, a dona da chácara ainda disse que no contrato do aluguel consta a proibição de festas e aglomerações de pessoas devido à pandemia da Covid-19.

Já o responsável pela festa nega que tenha realizado qualquer evento com aglomeração de pessoas, ainda de acordo com informações da PM ao G1.

Ambos foram notificados pela Polícia Militar pela aglomeração de pessoas, situação que vai contra as medidas de prevenção à transmissão da Covid-19.

A Vigilância Sanitária não acompanhou a ação.

Foi elaborado um Boletim de Ocorrência pela Polícia Militar, que deve ser encaminhado à Prefeitura.

G1 solicitou um posicionamento da Prefeitura sobre o caso, mas não obteve resposta até a publicação.

PM constatou aglomeração de pessoas, quantidade excessiva de bebidas alcoólicas e resquícios de drogas ilícitas — Foto: Polícia Militar
PM constatou aglomeração de pessoas, quantidade excessiva de bebidas alcoólicas e resquícios de drogas ilícitas — Foto: Polícia Militar

PM constatou aglomeração de pessoas, quantidade excessiva de bebidas alcoólicas e resquícios de drogas ilícitas — Foto: Polícia Militar
PM constatou aglomeração de pessoas, quantidade excessiva de bebidas alcoólicas e resquícios de drogas ilícitas — Foto: Polícia Militar

Por Stephanie Fonseca, G1 Presidente Prudente

Fonte G1.

Compartilhar esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog

APOIADO POR: