22,2% dos eleitores de Prudente estão com títulos cancelados


Voltar para Blog

22,2% dos eleitores de Prudente estão com títulos cancelados

Dados dos dias 15 e 16 de fevereiro, da 101ª e 402ª zonas eleitorais, apontam que 36.640 prudentinos não poderão votar este ano, caso não regularizem situação

Em Presidente Prudente, 22,2% dos eleitores estão com seus títulos cancelados. Isso significa que, caso não regularizem tal situação, até o dia 8 de maio, 36.640 moradores, de um total de 164.993 pessoas aptas a votar, não poderão exercer seu direto de escolher os novos ocupantes dos cargos de prefeito, vice e vereadores do município, nas próximas eleições, em outubro. Dividida em duas zonas eleitorais, a cidade conta com 18.298 títulos cancelados na 101ª ZE (Zona Eleitoral), e outros 18.342 na 402ª ZE, conforme indicam os chefes de tais cartórios eleitorais, Fabiano de Lima Segala e Letícia Macoratti de Castilho, respectivamente. Os dados foram coletados nos dias 15 e 16 de fevereiro.

“É importante o eleitor regularizar sua situação para que esteja apto a votar no próximo pleito. Pensando em termos de eleição municipal, uma porcentagem de 22% do eleitorado é um número expressivo que pode ser determinante na vitória de um ou outro candidato”, reforça a chefe de cartório da 402ª ZE. “Além do procedimento viabilizar o exercício do voto, regulariza a inscrição eleitoral dos cidadãos, viabilizando a realização de outros direitos, como posse em concurso, obtenção de passaporte, entre outros”, ainda destaca Fabiano.

“Nos anos de 2020 e 2022, os eleitores que não realizaram a revisão biométrica obrigatória, em 2019, tiveram suas inscrições regularizadas, em virtude da pandemia, e conseguiram votar normalmente. Porém, atualmente, o cancelamento foi novamente processado e é fundamental que consultem a situação de sua inscrição e realizem a revisão biométrica”, explica Letícia.

“É importante o eleitor regularizar sua situação para que esteja apto a votar no próximo pleito. Uma porcentagem de 22% do eleitorado é um número expressivo que pode ser determinante na vitória de um ou outro candidato”
Letícia Macoratti de Castilho, chefe de cartório da 402ª ZE

Fabiano ressalta que, para saber se há pendências em seu nome, o eleitor pode consultar sua situação eleitoral no site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ou procurar um dos cartórios para verificar essa situação. “Eleitores com o título cancelado precisam procurar os cartórios eleitorais para fazer uma operação de revisão de dados e coletar biometria até o dia 8 de maio, último dia em que o serviço estará disponível, pois o cadastro eleitoral fecha 150 dias antes da eleição, por determinação legal. Então, após essa data não será mais possível regularizar e a pessoa que estiver com o título cancelado não poderá votar”, frisa.

O chefe de cartório da 101ª ZE pontua que é de suma importância que aqueles que estão com os títulos cancelados, não deixem para regular sua situação “na última hora”. “Quanto mais próximo do prazo final, maior a incidência de filas e problemas decorrentes do excesso de movimento nos cartórios. Aconselhamos os eleitores a se programarem e procurarem os cartórios o quanto antes”, alerta.

Responsável pela 402ª ZE, Letícia revela que, entre os principais motivos para cancelamento do título eleitoral, os mais comuns são por decorrência de óbito e ausência às urnas por três vezes consecutivas. “E, uma grande parcela do eleitorado, atualmente, está com a inscrição cancelada por não ter realizado a revisão biométrica obrigatória, que em nosso município foi em 2019”, expõe. 

Como regularizar

Quem estiver com o título cancelado por não ter realizado a biometria, precisa fazer o agendamento para atendimento presencial pelo site do TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo), e comparecer no dia e hora marcados portando documento de identidade com foto, CPF (Cadastro de Pessoa Física) e comprovante de residência atual. “Caso o cancelamento seja por outro motivo, e o eleitor já tenha realizado a biometria, pode regularizar, inclusive, por meio do atendimento online, no portal do TSE, preenchendo o requerimento e anexando os documentos solicitados no seu requerimento virtual que pode ser acompanhado virtualmente também através do protocolo gerado, indica Letícia.

SAIBA MAIS
Regularize sua situação eleitoral
O prazo final para regularizar a inscrição eleitoral que esteja cancelada, realizar transferência de município, alterar dados no cadastro eleitoral, efetuar o alistamento eleitoral ou mesmo solicitar alteração de local de votação por conta da acessibilidade será dia 08 de maio. Em Presidente Prudente, são três cartórios eleitorais disponíveis: 101ª (Rua Capitão Walter Ribeiro, 140, na Vila Jesus), 402ª (Rua João Batista Colnago, 111, na Vila Liberdade) e 182ª (Rua Sete de Setembro, 1370, na Vila do Estadio), com atendimento ao público das 11h às 17h horas, de segunda à sexta-feira.

Fonte: O Imparcial

Compartilhar esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog

APOIADO POR: